Fernandopolense detido por ato golpista é preso preventivamente

146

No total, 13 moradores do noroeste paulista foram identificados e presos preventivamente nos atos antidemocráticos registrados em Brasília (DF), no dia 8 de janeiro (veja a lista mais abaixo).

A lista foi concluída após análise do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes, na última sexta-feira (23).

Ray Aparecido Travassos, de Mirassol, e Jair Domingues de Morais, de Fernandópolis, completaram a lista e estão no presídio da Papuda, em Brasília.

Segundo o balanço divulgado pelo Supremo, a conversão da prisão teve como base a necessidade de garantia da ordem pública e da efetividade das investigações.

Os crimes apontados foram os de:

atos terroristas, inclusive preparatórios;
associação criminosa;
abolição violenta do estado democrático de direito;
golpe de estado;
ameaça;
perseguição;
incitação ao crime.

Confira a lista de presos e cidades:

São José do Rio Preto
Antonio Cardoso Pereira Júnior
Lucienne Serafim Nogueira Gois
Lucenir Bernardes da Silva
Thiago de Assis Mathar

Mirassol
Beatriz Tosta Laudino
Gustavo Barco Ravenna
Rafael Antonio Ribeiro Meloze
Ray Aparecido Travassos
Thiago Laudino

Fernandópolis
Jair Domingues de Morais

Olímpia
Jonatas Henrique Pimenta

Votuporanga
Kingo Takahashi

Birigui
Luzilene Martins de Sá