Desempregado furta lata de leite e diz que era para o filho

32

DL News
Um desempregado de 44 anos foi preso em flagrante neste domingo, 3, após furtar uma lata de Nan em uma farmácia do bairro João Paulo II, localizada a poucos quarteirões da casa dele. O homem afirmou que está sem emprego e que o leite seria para o filho.

O produto, que custava R$ 46, é uma fórmula infantil utilizada na alimentação de bebês e crianças pequenas.

Após cometer o furto, o suspeito foi perseguido pelo dono da farmácia que, durante o trajeto, propôs doar a lata se o homem indicasse onde mora e provasse que o produto seria realmente destinado para uma criança.

Nesse momento, uma viatura da PM patrulhava a avenida Danilo Galleazi e o comerciante pediu ajuda.

Ao ser abordado, o pintor ofendeu a equipe. Ele foi algemado e levado para a Central de Flagrantes.

Na delegacia, foi constatado que ele possui um longo histórico de crimes contra o patrimônio, e que inclusive já tinha sido preso pelo mesmo delegado que estava de plantão.

A suspeita é que, embora tenha mesmo um filho de 4 anos, a lata seria trocada por droga.

Em razão da reincidência, ele não teve direito à fiança.